30 days of music - Dia 18

Idols revoltadas cantando sobre o quão revoltadas são.


Dia 18 - Uma música que você gostaria de ouvir no rádio


Eu acho o movimento "homicidol", "idols irregulares" e enfim bastante interessante, é um movimento relativamente atual, tanto que eu pude ver ele nascer e se ramificar, ramificação essa que ocorreu em uma velocidade incrivelmente rápida.
Para quem não está atualizado com o termo, Homicidols é um gênero idol que surgiu após BiS declarar guerra a todos grupos de idol comuns e surgir com um gênero diferente, com meninas e músicas polêmicas, música pesada que mescla metal, pop idol, música eletrônica e até mesmo um pouco de vaporwave. O grupo foi um sucesso e o criador de toda essa ramificação (Babymetal tem uma pequena parcela nisso também). Com o tempo vários grupos foram surgindo, como GusoDrop, The Idol Formerly Know as LADYBABY, Necronomidol, e o grupo totalmente clonado de BiS, BiSH, seguindo exatamente a mesma fórmula, mas é um pouco melhor ainda, e continuam revolucionárias, Gumi, uma das integrantes, causou polêmica por ser sentimentalmente instável e ter falado sobre menstruação em um programa de rádio (!!!!!), inadmissível, ó, o que faremos com meninas tão rebeldes e pouco femininas, não é mesmo? (realmente espero que tenha sacado que é ironia) 
O grupo de hoje, Zenbu Kimi no Sei Da, é um grupo relativamente recente vindo dessa ramificação, surgindo em abril de 2015, com um grupo de meninas fofas, revoltadas e desobedientes (até com a sua própria produtora), e ao invés de ter todas as referências que BiS tem, o grupo trabalha mais com punk moderno, emocore do começo dos anos 2000 (sim, dá pra sentir um My Chemical Romance no meio disso) e claro, pop idol com música eletrônica por padrão. O grupo não é lá tão popular, talvez até menos popular que Necronomidol, que já é um grupo pouco popular. 
Essa mistura punk/pop/emo se saiu muito bem para os meus ouvidos, as meninas não cantam lá tão bem mas demos um desconto, são idols que cantam até que bem, normalmente todas elas cantam mal. O importante é que a música, no conjunto, é realmente bom, as meninas tem um tipo de charme entre as demais idols, elas conseguem ter um estilo musical diferente dos outros que tentam a todo custo alcançar BiS e BABYMETAL.

Eu não sei vocês, mas a Mashiro parece pra mim uma linda adolescente problemática, mesmo que provavelmente ela é bem normal e só tem um cabelo muito claro. O nome dela nem deve ser Mashiro de verdade.

0 comentários:

Postar um comentário